Os defensores públicos estaduais estão revoltados com o desrespeito do governador com a categoria. Nesta quinta-feira (27/10), os integrantes da carreira realizaram um ato em frente ao Palácio da Abolição para cobrar do Executivo uma definição acerca do compromisso do Governo com PLC 04/2016, que fortalece a Defensoria. Camilo Santana havia marcado para 17 horas desta quinta-feira uma reunião com a defensora pública geral, Mariana Lobo, mas desmarcou na última hora, quando os defensores já se encontravam no Palácio e iriam esperar o resultado desse encontro. A presidente da Adpec, Sandra Sá, entregou um manifesto no Gabinete do Governador, no qual a categoria cobra o compromisso assumido quando Camilo Santana ainda era candidato ao Governo do Ceará, em 2014. Na ocasião, o então ele se comprometeu com a atualização da Lei estadual da Defensoria, inclusive com o tratamento isonômico entre as carreiras do Sistema de Justiça.

Compartilhe