Crianças e adolescentes das instituições Casa do Menor São Miguel Arcanjo, Lar Santa Mônica e Casa do Sol Nascente, localizadas no Condomínio Espiritual Uirapuru (CEU), tiveram, nesta sexta-feira, uma manhã de muita alegria e diversão. Defensores Públicos, representando a DGPE e a ADPEC, promoveram uma confraternização natalina no local, levando brinquedos, lanches e, principalmente, ensinamentos sobre os direitos que estas crianças têm na sociedade e no seio familiar.
Os defensores da ADPEC, que integram o grupo de teatro Defensores Públicos em Ação, subiram ao palco para encenar a peça “Criança e adolescente: chegou a sua vez!”, que foi bastante aplaudida pela garotada.
“Esta ação vai além de proporcionar momentos de descontração para as crianças e adolescentes. São ocasiões em que mostramos que eles têm direitos e que estes devem ser respeitados e, para isso, podem contar com o Defensor Público. Através da peça, apresentamos, de forma lúcida, o papel do Defensor e a importância do seu trabalho para a sociedade, sobretudo, para os mais carentes”, enfatiza Adriano Leitinho, presidente da ADPEC e um dos integrantes da peça teatral.
 

Compartilhe