13247735_904728319636780_9019664453171230507_oUm festa alegre, cheia de música, flores e muita emoção. Assim foi o lançamento do livro “Minha História, Nossa Luta”, realizado no sábado (21/05), no Náutico Atlético Cearense, encerrando com grande sucesso a programação comemorativa do Mês do Defensor Público.

A publicação reúne 55 crônicas veiculadas semanalmente no site da Adpec, com o objetivo de mostrar como a atuação individual de cada defensor hoje aposentado contribuiu para a consolidação da Defensoria Pública, para o fortalecimento da classe e para a democratização do acesso à Justiça no Estado.

Muito emocionados, os defensores Aspásia Soares (Diretora de Aposentados), Luciano Sobreira e Nívea Rolim falaram em nome dos homenageados no livro. Aspásia Soares agradeceu a presença de todos e ressaltou a proposta de resgatar a memória da Defensoria, iniciada na gestão anterior, que teve como Diretora de Aposentados a defensora Ocileide Saraiva.

“Não é num livro que guardamos a memória. é dentro do coração”, afirmou Luciano Sobreira, num discurso emocionado, ao agradecer à presidente da Adpec, Sandra Sá, por reunir as histórias dos que ajudaram a construir a Defensoria no Estado. “Quero dizer aos que lutam hoje pela Defensoria que nós (aposentados) regamos a plantinha que hoje é uma árvore frondosa e cheia de frutos”, comentou o ex-presidente da Associação.

“Esse livro reúne fagulhas de nossas lembranças, apenas centelhas de nossas lutas. Porque o que edificamos foi uma coisa grandiosa”, disse a defensora Nívea Rolim, ex-presidente da Adpec.

A presidente da Adpec, Sandra Sá, mencionou que a ideia de reunir os aposentados nasceu de uma conversa do a Dra. Aspásia, ainda na gestão 2013. “Cada história individual de cada defensor, , do passado ou do presente, seja no front da luta associativa ou na sua atividade defensorial, contribui para o fortalecimento da Defensoria.

Compartilhe