Fortaleza será palco do I Seminário de Justiça Ambiental e Saúde do Ceará. O seminário será realizado dia 9 de julho, sexta-feira, no Auditório da Escola Superior de Magistratura do Ceará. Marcelo Firpo, professor do Instituto Oswaldo Cruz, irá abrir o seminário às 9h com a apresentação do Mapa da Injustiça Ambiental e Saúde no Brasil, do qual é coordenador-geral. A programação segue durante todo o dia com mesas redondas sobre o tema. Às 19h, será lançada carta das entidades organizadoras do seminário sobre a Injustiça Ambiental no Ceará.
O evento é uma realização conjunta da Associação Cearense de Magistrados (ACM), Associação Cearense do Ministério Público (ACMP), Associação dos Defensores Públicos do Estado do Ceará (ADPEC), Rede Nacional de Advogados e Advogadas Populares no Ceará (Renap), Instituto Terramar, Rede Brasileira de Justiça Ambiental, GT Contra o Racismo Ambiental e Núcleo Tramas.
Os defensores públicos interessados em participar do seminário devem entrar em contato com a ADPEC até o dia 3 de julho, para que a entidade possa efetuar as inscrições dos associados. Informações e inscrições: 32682988 / adpec@adpec.org.br
 

Compartilhe