Ideia é apresentar iniciativas positivas e casos de ex-detentos que, por meio de oportunidades de trabalho e educação, reconquistaram seu espaço

A campanha nacional da Defensoria Pública, em 2013, vai tratar do tema “Direito de Recomeçar”, apontando o trabalho como um dos principais mecanismos de ressocialização de ex-detentos. No Ceará, a campanha vai ser lançada na Casa de Privação Provisória de Liberdade II, em Itaitinga, na Região Metropolitana de Fortaleza.

O objetivo da Defensoria Pública é divulgar a necessidade da criação de mecanismos de reinserção social para pessoas privadas de liberdade, tendo como princípio a educação e a geração de emprego ainda durante o cumprimento da pena. Além disso, a ideia é apresentar iniciativas positivas e casos de ex-detentos que, por meio de oportunidades de trabalho e educação (formação), reconquistaram seu espaço, quebrando o ciclo da reincidência.

Programação

Ao longo da semana que vem, outras atividades serão promovidas, como é o caso do Atendimento multidisciplinar nas dependências do Núcleo de Execução Penal da Defensoria Pública (NUDEP), no dia 20, das 8h às 12h.

Educação em Direitos voltada para os detentos e seus familiares, às 9h, do dia 21, no Instituto Penal Professor Olavo Oliveira II (IPPOO II). No dia 22, vai acontecer umaAudiência Pública na Assembleia Legislativa, com o tema “Defensores Públicos pelo direito de recomeçar”, às 14h30.

Já no dia 24, vai acontecer um seminário também com o tema “Pelo direito de recomeçar” voltado para os defensores públicos, das 8 às 12 horas, no auditório da Torre São Mateus. Nesse evento, Gina Kerly Pontes Moura, do Núcleo de Atendimento ao Preso Provisório- NUAP, falará sobre “Justiça restaurativa”, e Alvino Augusto de Sá, do Conselho Nacional de Política Criminal e Penitenciária (CNPCP), vai ministrar a palestra “Criminologia clínica e execução penal”.
Encerrando a programação, entre os dias 28 a 30 de maio vai haver mutirão carcerário na Penitenciária Industrial Regional do Cariri, em Juazeiro do Norte.

Portal Tribuna do Ceará: http://www.tribunadoceara.com.br/noticias/ceara/defensoria-publica-inicia-campanha-nacional-para-ressocializacao-de-ex-detentos/

 

Compartilhe

Ideia é apresentar iniciativas positivas e casos de ex-detentos que, por meio de oportunidades de trabalho e educação, reconquistaram seu espaço

A campanha nacional da Defensoria Pública, em 2013, vai tratar do tema “Direito de Recomeçar”, apontando o trabalho como um dos principais mecanismos de ressocialização de ex-detentos. No Ceará, a campanha vai ser lançada na Casa de Privação Provisória de Liberdade II, em Itaitinga, na Região Metropolitana de Fortaleza.

O objetivo da Defensoria Pública é divulgar a necessidade da criação de mecanismos de reinserção social para pessoas privadas de liberdade, tendo como princípio a educação e a geração de emprego ainda durante o cumprimento da pena. Além disso, a ideia é apresentar iniciativas positivas e casos de ex-detentos que, por meio de oportunidades de trabalho e educação (formação), reconquistaram seu espaço, quebrando o ciclo da reincidência.

Programação

Ao longo da semana que vem, outras atividades serão promovidas, como é o caso do Atendimento multidisciplinar nas dependências do Núcleo de Execução Penal da Defensoria Pública (NUDEP), no dia 20, das 8h às 12h.

Educação em Direitos voltada para os detentos e seus familiares, às 9h, do dia 21, no Instituto Penal Professor Olavo Oliveira II (IPPOO II). No dia 22, vai acontecer umaAudiência Pública na Assembleia Legislativa, com o tema “Defensores Públicos pelo direito de recomeçar”, às 14h30.

Já no dia 24, vai acontecer um seminário também com o tema “Pelo direito de recomeçar” voltado para os defensores públicos, das 8 às 12 horas, no auditório da Torre São Mateus. Nesse evento, Gina Kerly Pontes Moura, do Núcleo de Atendimento ao Preso Provisório- NUAP, falará sobre “Justiça restaurativa”, e Alvino Augusto de Sá, do Conselho Nacional de Política Criminal e Penitenciária (CNPCP), vai ministrar a palestra “Criminologia clínica e execução penal”.
Encerrando a programação, entre os dias 28 a 30 de maio vai haver mutirão carcerário na Penitenciária Industrial Regional do Cariri, em Juazeiro do Norte.

Portal Tribuna do Ceará: http://www.tribunadoceara.com.br/noticias/ceara/defensoria-publica-inici…

Compartilhe