No último dia 22, durante o Congresso de Comunicação e Justiça, em Cuiabá, a Adpec ficou entre os três finalistas do Prêmio Nacional de Comunicação e Justiça. A Associação foi contemplada na categoria Relacionamento com a Mídia pelo seu Prêmio Adpec de Jornalismo e concorreu com o Tribunal Regional do Trabalho (AL) e com o Tribunal de Justiça (SP). Durante a cerimônia de premiação, a Adpec foi representada por sua assessora de imprensa, a jornalista Ana Alice Nogueira. Na ocasião, a jornalista Bianca Felippsen representou a Defensoria Pública Geral do Ceará que também foi finalista na categoria Publicação Especial com o Relatório de Gestão do Biênio 2016/2017.

O Prêmio Nacional de Comunicação e Justiça é realizado pelo Fórum Nacional e reconhece os melhores trabalhos realizados pelas assessorias de comunicação de todos os órgãos do sistema de Justiça brasileiro. Ao todo, são 15 categorias. A Comissão Julgadora é formada por 36 profissionais do meio acadêmico e do mercado, de diversas regiões do Brasil, em 2018 o prêmio contou com mais de 280 trabalhos inscritos de todo o país. “Receber essa premiação das mãos do Fórum Nacional de Comunicação e Justiça é prova de que acertamos em lançar o Prêmio Adpec de Jornalismo em 2017 e que essa parceria entre Defensores Públicos e veículos de comunicação e seus profissionais se consolidará e trará resultados concretos aos assistidos. Esse prêmio é dedicado e esses profissionais, que acreditaram na iniciativa e fizeram dela um instrumento na democratização da informação”, afirma Carolina Gondim, presidente da Adpec.

O Prêmio ADPEC de Jornalismo está na sua segunda edição e apresenta à sociedade a importância dos meios de comunicação, e de seus profissionais, no processo de disseminação e democratização das informações, acerca do papel do Defensor Público no Sistema de Justiça, tornando menor a distância entre o público assistido e seus direitos.

Compartilhe